Cuidados necessários ao trabalhar pela internet

Você sabe quais os cuidados necessários para trabalhar pela internet? O mundo do chamado e-commerce (vendas pela internet) ganhou força nos últimos anos. Contudo, podemos dizer que alavancou nos últimos meses com a chegada de uma pandemia em nosso país.

Sabemos muito bem que os comerciantes no geral foram todos afetados com a proibição de abrir o comércio, e consequentemente, houve a diminuição drástica de compras feitas em lojas físicas.

Para os empresários que já eram adeptos ao sistema de vendas online, a pandemia só serviu para aumentar ainda mais suas vendas. Sem poder sair de casa, os consumidores buscaram em massa a compra online. E se você pensa que o aumento de compras foi somente para itens básicos, aí que você se engana. Os mais variados tipos de produtos estão sendo consumidos, desde o básico como itens de beleza.

Notamos através das redes sociais que as lojas estão cada vez mais investindo no e-commerce e aprimorando seus meios de venda. Se paga por propagandas e fotos patrocinadas, modelos para fotos, fotógrafo para uma boa apresentação do produto, entre outros recursos. Tudo isso para que o consumidor final possa se sentir atraído pelo produto somente por olhar em seu computador ou smartphone.

Apesar da facilidade da compra e venda online, alguns cuidados devem ser tomadas para o empresário que deseja investir em vender pela internet. Existem questões legais a serem observadas. Não basta entregar um bom produto, mas proporcionar uma boa experiência de compras ao cliente.

Para isso, preparamos algumas dicas práticas para te auxiliar a alavancar suas vendas, ter resultados, e, sobretudo, estar em dia com suas obrigações enquanto empresário. Confira abaixo nossas dicas:

  • Segurança ao cliente: a primeira coisa que você precisa se atentar e investir para a segurança de seu cliente, são os sistemas operacionais que irão funcionar em seu site. Módulos de segurança e outras funcionalidades devem estar ativos para garantir uma compra segura ao seu cliente. Imagine se vazar dados do cartão de crédito de seu cliente e outras informações pessoais. Com certeza é algo que o causará graves danos. Dessa forma, tenha um bom moderador de seu site e garanta uma compra segura e eficaz.
  • Crie uma política de privacidade e termos de uso: é importante que todo site possua sua política de privacidade e seu termo de uso. O cliente precisa saber as regras de utilização do site, bem como quais dados dele podem estar sendo coletados e para que fim.
  • Prazo de entrega: é indispensável que se informe ao cliente o prazo de entrega.
  • Política de troca: o empresário precisa se atentar ao que diz o Código de defesa do consumidor ao se referir a possibilidade de troca do produto. Sendo assim, não pode criar suas próprias regras dentro de seu site. Cabe lembrar que se ele quiser pode estender o prazo para troca ao que a lei atribui, mas nunca pode diminuir.
  • Defeito do produto: quanto ao defeito do produto o empresário também deve se atentar ao que a legislação diz.
  • Informações do produto: as informações do produto são primordiais para um site de vendas. Embora se tenha a imagem dele, deve haver também um descritivo contendo as principais informações daquele produto. Se for uma roupa, por exemplo, informar as cores disponíveis, tamanhos, formato, tipo de tecido, entre outras informações que sejam pertinentes aquela peça.
  • Imagens reais: é muito comum em sites de comprar que seja colocado que as imagens são meramente ilustrativas. Contudo, embora o consumidor saiba disso, ao se interessar por um produto, há uma legítima expectativa de que o que está sendo comprado é o mais fiel possível a imagem que está sendo disponibilizada. Portanto, a nossa dica é colocar fotos os mais reais possíveis. Se o produto for totalmente divergente do que parecia no site, você pode incorrer em propaganda enganosa. Então, esteja atento a isso, e não manche a imagem da sua empresa.
  • Forma de pagamento: a forma de pagamento deve ser descrita de forma clara no site, e quanto mais opções tiver, maior será o seu público. Muitas pessoas deixam de comprar quando a loja só oferece pagamento por boleto, e não por cartão de crédito. Da mesma forma há quem fique insatisfeito quando não há a opção de boleto, mas somente do cartão de crédito. Esteja atento a esses detalhes e você conseguirá aumentar o seu público.
  • Contratação de profissionais para cada área de seu empreendimento: muitas pessoas investem somente nas mídias, modelos fotográficas, etc. Pensam somente no lado “bom” e atrativo ao cliente. Mas sabia que pra ter uma empresa por e-commerce, existem legislações a serem seguidas e regras a serem observadas. Um advogado será indispensável para te ajudar na produção de seus termos de uso, política de privacidade, bem como para elaboração de contratos com fornecedores, entre outras necessidades advindas de sua atividade enquanto empresário. Ter um profissional acompanhando sua empresa é a melhor decisão que você pode tomar.

Essas foram algumas dicas de como você enquanto empresário ou para você que está ainda pensando em empreender precisa se atentar. Há parâmetros a serem seguidas para o sucesso de seu negócio.

Precisa de ajuda ou alguma orientação a respeito desse tema? É só entrar em contato com a gente. Nossos profissionais estão apostos para te ajudar. Não coloque em risco sua empresa, fale agora conosco através de nossos canais de atendimento.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Onde nos encontrar

Souto Costa Advogados Associados © 2020 Todos os direitos reservados. Configurações de Cookies. Política de Privacidade.